A DOR QUE MACHUCA É A DOR QUE ENSINA.

POR MAIS QUE CHORES E SOFRAS SEMPRE HAVERÁ UMA SAÍDA.

O TEMPO MUDA AS PESSOAS, MAS AS PESSOAS MUDAM COM O TEMPO.


ELMAR - O CONSELHEIRO CERTO PARA AS HORAS INCERTAS.


25/09/2016

COMO É BOM, ÀS VEZES, SENTIR SOLIDÃO






Sim, é positivo e necessário estar sozinho para conquistar equilíbrio emocional. É possível viver os momentos solitários de forma criativa, como uma oportunidade de autoconhecimento. Isso é muito melhor do que apenas reclamar da solidão. Vivemos numa época em que a solidão se tornou um assunto coletivo. Mesmo quem não vive só, conhece muita gente que está longe da família ou sem parceiro, voluntariamente ou não. A procura do amor é um assunto recorrente nas revistas, na TV, na internet, nas conversas afora. Fica a impressão – equivocada – de que estar sozinho é ruim, negativo algo que nos diminui aos olhos dos outros.
Ao contrário, os momentos de solidão não são apenas saudáveis, mas fundamentais para avançarmos o nosso equilíbrio. “Quando mergulhamos em nosso mundo interior, descobrimos o que queremos e até fazemos as pazes conosco”. A sensação de que as pessoas estão cada vez mais sozinhas se confirma e eu sei, nas pesquisas feitas em todo o mundo, mais nos Estados Unidos e Reino Unido. O mito de que a felicidade significa estar cercado de gente nos influencia a ponto de esta confundir ficar só como ser desinteressante e incapaz de atrair amor.
É um erro associar recolhimento a fracasso e idealizar a vida alheia. A tristeza não vem da solidão. Vem das fantasias que surgem da solidão Você compara a cena de você só, na casa vazia, com a cena fantasiada dos outros em celebrações cheias de risos. Sofre a dor real da solidão porque a solidão dói. Dói uma dor da qual pode nascer a beleza. Mas não sofra a dor da comparação. Ela não é verdadeira.
Fortalecer a autoestima – a capacidade de gostar de si mesmo – é o primeiro passo para se sentir completo, sem procurar preencher o vazio interior no contato com outras pessoas, o tempo todo.“A chave é separar o amor-próprio da aprovação dos outros”.
As vezes só descobrimos o lado bom da solidão no distanciamento voluntário da família ou dos amigos. Dizia-me um cliente por ocasião de uma consulta durante meu atendimento,” que já tinha perdido o medo de estar só consigo mesmo, e que tinha apreendido a gostar de sua própria companhia”.
Períodos de recolhimento são fundamentais para avaliar o rumo da vida. São momentos de acalmar as emoções e se desligar do cotidiano. Obter clareza nas prioridades é o que é preciso para ser feliz. Esta reflexão ajuda a discernir em que momento basta ficar consigo mesmo e quando é a melhor companhia.
Às vezes, desperdiçamos oportunidades de reflexão emendando uma atividade na outra. É comum ao se flagrar sozinho, ligar a TV, o som, o computador ou de preferência tudo ao mesmo tempo. Essa é uma técnica de fugir de si mesmo. Sábio, o corpo pode cansar destes escapes e exigir uma pausa para que haja uma recomposição interna. Uma enxaqueca ou dor nas costas pode avisar que é preciso sair da roda viva.
Por não perceber que cada indivíduo cria seu próprio vazio existencial, não é difícil cair na armadilha e acreditar que arrumar um parceiro é a única saída para a solidão. É um erro, pois inúmeras pessoas casadas se sentem solitárias por não terem diálogo nem troca com o companheiro. Ao romper uma relação amorosa, para muitos surge a necessidade de procurar uma nova companhia, para fugir do autoquestionamento e não enfrentar a dor. A tendência é sair logo em busca de outro relacionamento para preencher o vazio que ficou do anterior.
Mas o caminho inverso pode ser mais compensador, esperar um pouco para reorganizar a mente. Há muita gente que vive a solidão como uma situação embaraçosa. Especialmente as mulheres que crescem acreditando que precisam sempre voltar aos outros – maridos, namorados ou filhos. Elas são condicionadas ao achar que se estão sozinhas, falta algo em sua vida. Você está só? Usufrua desta liberdade, concretize metas sem vinculá-las ao encontro com a pessoa perfeita, princesa ou príncipe encantado que vai se encaixar em seus sonhos. Use as horas de solidão, para um encontro consigo mesma.
É preciso aprender a estar só. Para que você se sinta bem quando estiver sozinho, é importante estar em paz e apreciar as horas de recolhimento. Conquiste e valorize este espaço que é só seu. Observe-se sem medo. Deixe que todo o tipo de ideia venha a sua mente, e avalie porque você está pensando nestas coisas mesmo que o problema não seja resolvido na hora, sua observação vai abrir caminho para uma solução futura.
SEMPRE DIREI – BENDITA TU ÉS SOLIDÃO


ELMAR